O meu tempo com Deus

01-03-2010 21:41

Depois de ler aquele e-mail, apercebi-me de que estava em falta para com Deus. Mas não era por ser rebelde, nem por faltar aos cultos na igreja... Não! Era por não dar tempo suficiente a Deus para falar comigo.

Bom dia! 

Quando te levantaste, pela manhã, Eu tinha preparado o sol, para aquecer o teu dia, e o alimento para a tua nutrição. Sim, Eu preparei tudo isso enquanto vigiava o teu sono, a tua família, a tua casa. Esperei pelo teu “Bom dia!”, mas esqueceste-te!... Bem... parecias ter tanta pressa! Eu perdoei!... O sol apareceu, as flores deram o seu perfume, a brisa da manhã acompanhou-te e tu nem pensaste que fui Eu quem preparou tudo para ti. Os teus familiares sorriram, os teus colegas cumprimentaram-te, trabalhaste, estudaste, viajaste, realizaste negócios, alcançaste vitórias, mas... não percebeste que Eu estava cooperando contigo, e mais teria feito, se me tivesses pedido. Eu sei, corres tanto... Eu perdoei!.. Leste bastante, ouviste e viste muita coisa, mas não tiveste tempo de ler e ouvir a Minha Palavra. Quis falar contigo, mas não paraste para ouvir. Quis aconselhar-te, mas nem pensaste nessa possibilidade... Se Me ouvisses, tudo seria melhor na tua vida. Mais uma vez esqueceste-te de Mim... Esqueceste-te que Eu desejo a tua participação no Meu reino, com a tua vida, o teu tempo, os teus talentos. Findou o teu dia! Voltaste para casa! Mandei a lua e as estrelas tornarem a noite mais bonita, para te lembrar o amor que tenho por ti! Certamente, agora, vais-me dizer: “obrigado” e “boa noite”! Psiu... estás a ouvir? Que pena... já adormeceste! Boa noite! Eu fico a velar por ti!   DO TEU MAIOR AMIGO - DEUS!

Quando li esta carta pela 1ª vez, num e-mail que alguém me enviou, senti um peso de remorsos no meu interior que nem imaginas! Parecia que Deus tinha escrito realmente esta carta para mim! Ao analisar a minha vida, apercebi-me de que estava em falta para com Deus. Mas não era por ser rebelde, nem por faltar aos cultos na igreja... Não! Era por não dar tempo suficiente a Deus para falar comigo.

Quantas vezes Deus ficou à minha espera, ansioso por ouvir alguma coisa da minha parte... e eu calada, a ler um livro ou a ver televisão! Foi precisamente a partir desta carta que eu me apercebi de como Deus sofre cada vez que adormecemos antes de falar com Ele, ou preferimos ver aquele filme, novela ou jogo de futebol na televisão... ou até quando estamos envolvidos num jogo de computador espectacular que comprámos há pouco tempo... ou a navegar na net e a falar com o pessoal no Mirc! Há tanta coisa que nos atrai e que ocupa tanto do nosso tempo... mas Deus espera algo mais de nós! Chega de rotinas que não levam a lado nenhum! É hora de acordarmos e dedicarmos mais do nosso tempo a Deus!

Um dia, um amigo meu falou em darmos o dízimo do nosso tempo a Deus. Foi uma frase que me captou a atenção e, sem querer, fiquei a matutar naquilo! Realmente, se Deus Se agrada daqueles que Lhe oferecem uma décima parte do seu salário (porque, afinal de contas, foi Deus que providenciou o emprego), igualmente Se agrada dos que Lhe dedicam a décima parte do seu tempo (porque também foi Deus quem nos concedeu 24 horas por dia).

Se pensarmos bem, em 24 h que temos à nossa disposição num dia inteiro, bem que podemos dedicar 2h e 40 minutos a Deus... e ainda nos restam 21h e 20 minutos. :) Também não estou a dizer para estares a orar 2h e 40m a orar sem parar... não é nada disso! Existem muitas formas de dedicar tempo a Deus, desde orar, louvar, cantar, ler e meditar na Bíblia, visitar irmãos em dificuldade, falar com eles, orar por eles... e a lista continua.

Até o simples facto de falarmos com Deus espontaneamente, em pensamento, nos ajuda a manter a união e a cumplicidade com Ele. Eu, às vezes,  até falo com Ele quando vou a conduzir! (com os olhos abertos, claro!) J E acredita que é espectacular!!! Sentes-te completamente à vontade com Deus, como se Ele estivesse fisicamente ali ao teu lado!

O problema é que, quando nos descuidamos e colocamos outras coisas em 1º lugar, deixamos de sentir esse à vontade! Então aí começamos a esfriar na fé e parece que começamos a questionar tudo, a desconfiar das coisas e até das verdades bíblicas... por isso, é muito importante que passemos tempo com Deus, lendo a Sua palavra, orando ou até mesmo falando com Ele de forma espontânea, como disse há pouco... o importante é estarmos sempre ligados a Deus para evitarmos que a nossa mente se encha com aquilo que destrói a nossa vida espiritual e para fortalecermos cada dia mais a nossa relação com Deus.

Vamos fazer isto? Então, FORÇA!!!! Às vezes, custa um bocadinho, mas se orarmos uns pelos outros, vamos conseguir. Eu já estou a orar por ti... e tu?? DEUS TE ABENÇOE! :)

 

Carla Fernandes, BSteen Novembro 2003